Páginas

6 de dez de 2013

Meme literário 2013 - dia 6

Dia 6 - Qual obra determinou sua paixão por livros?



Eu comecei a ler cedo, mas aos 11 anos eu vivi minha primeira experiência realmente intensa com literatura. Aquele livro que te transporta para um universo próprio, que cada vez que você abre seu coração dispara, e cada vez que você fecha é como se a história não parasse de acontecer na sua cabeça.


As Aventuras de Sherlock Holmes: Estrela de Prata, é o terceiro volume de Sherlock Holmes no Círculo do Livro, mas foi o primeiro que eu li. A paixão foi avassaladora. Pelo personagem, antes de tudo, claro, mas o estilo do autor logo de cara me conquistou.

Lembro que, de primeira, o caso que mais gostei foi A face amarela, mas depois O ritual Musgrave, O paciente internado, O intérprete grego e O tratado naval foram me parecendo mais interessantes. E O problema final, que fechava esse volume, me introduziu logo de cara ao que é um dos grandes dramas holmesianos: a morte do herói. Intensidade garantida.


Não deixe de acompanhar o meme literário 2013 também em...

http://batatatransgenica.wordpress.com/
http://breviariodashoras.blogspot.com.br/
http://www.terracotabolsas.com/rato/
http://depokafe.wordpress.com/
http://bem-vindos-a-bordo.com/
http://pensamentosinsones.wordpress.com/
http://esperandooesperado.blogspot.com.br/

4 comentários:

  1. Caramba, cada vez com mais vontade de ler os livros do Conan Doyle, rsrsrs. O combo já está no iPad. :-)

    ResponderExcluir
  2. Um dia ainda vou me render a ler As aventuras de Sherlock Holmes. Você é a segunda pessoa que eu vejo dizendo que começou a se empolgar de verdade com literatura após ler esses livros. A outra pessoa é o meu marido e ele guarda ótimas lembranças. Ah, e ele leu com 11 anos também! :)

    Lidia.

    ResponderExcluir
  3. Ah, Sherlock, seu danado. Comecei a ler suas aventuras aos 16, quando comecei a trabalhar como office-boy e via seus livros expostos nas livrarias. Bons tempos de vasculhar títulos aleatórios.

    ResponderExcluir
  4. Que lindo Brunhilde! Você tem a coleção do Círculo do Livro! Foi esta que li e tinha inteirinha. Até emprestar para um aluno e ele não me devolver... Ficou desfalcado... A todos que nunca leram: ler Sherlock é uma experiência que causa marcas para a vida toda.
    Não me lembro de um livro especialmente. Talvez os livros das estantes do meu pai que eu ia lá rabiscar sejam os que levaram a descobrir o objeto livro. E ver meu pai lendo indicou para mim que dentro daquela coisa tinha algo que entretinha.
    Tenho um histórico longuíssimo de leitora de gibis. Fazia desfalque em banca do jornal. Tinha lá uma continha só para mim que todo mês botava meu pai de cabelos em pé.
    Vou citar alguns que deixaram marcas na infância: todos da Condessa de Segur, Coleção Cachorrinho Samba, Menino Maluquinho, O Ônibus do Fim do Mundo, A história sem Fim, O Menino do Dedo Verde, A morte tem sete herdeiros, O Gênio do Crime, O caso da borboleta Atília, vários do Orígenes Lessa.
    Crisim

    ResponderExcluir

tá com você!